Guerreiros na vida: as sensacionais histórias de Robinho e Richard 

Robinho e Richard conseguiram finalmente o que todo todo jovem jogador de futebol brasileiro almeja: jogar em um grande clube do Brasil pela Série A do Brasileirão.

Mas, não foi fácil.

Robinho, atacante de 22 anos, até os dezenove jogava no futebol de várzea aos sábados e domingos. Durante a semana trabalhava como ajudante de carga e descarga em uma transportadora.

“Até os dezenove anos eu acreditava que fosse necessário ter empresário para jogar, que não bastava talento. Mas, encontrei alguém que acreditasse em mim. Por que eu não iria acreditar?”, disse o atacante.

Richard também trabalhava com carregamento em caminhões e quase largou o futebol, mas as portas do futebol se abriram de repente.

“Tive uma oportunidade de fazer uma excursão fora do país. No único jogo que o presidente do Atibaia assistiu, eu me destaquei”.

Fonte: O Globo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s