Leiam principais pontos da coletiva de Autuori no CT, hoje

O diretor de futebol do Fluminense, Paulo Autuori, concedeu uma entrevista coletiva no CT do Fluminense, agora há tarde. Confiram os destaques da coletiva.

Sobre reforços:

“Temos de trazer jogadores para dar o salto de qualidade. Há um problema sério que é a dificuldade financeira. Então, temos de ir atrás de jogadores dentro do perfil que o Abel quer e o que o clube pode. Não um problema só do Fluminense.”

“Existem negociações bem adiantadas. Estrategicamente, não sou maluco de falar nomes. A privacidade é fundamental. Os grandes clubes são aqueles que mantém em sigilo e adotam essa estratégia.”

Sobre posições carentes no elenco:

“Posso assegurar que vão vir jogadores, sim. A gente já definiu as posições. Um zagueiro canhoto, todo mundo sabe disso. Um meia. Um atacante, de centro”.

Sobre Scarpa:

“Está na mão da Justiça. Não dá para saber o que vai acontecer. Uma coisa é estar vinculado ao Fluminense a outra é o posicionamento do jogador. Ele é claro. Acha que vai ganhar. Em função disso, não quer aproximação”.

“Há por parte das instituições a ideia de fazer um acordo. As conversas sempre existiram. E os alvos não mudaram da nossa parte. Mas tem de ter interesse de todos os lados. O que não há ainda”.

Sobre dificuldades no Brasileiro:

“As que nós temos, a maior parte dos clubes brasileiros a tem também. Hoje até falei com o Abel sobre o terremoto na Bolívia. A quem trabalha com futebol no Brasil, o chão treme todo o dia. Por isso, não nos assustamos

Fonte: Site Globo Esporte

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s